OTIMIZAR SUAS METAS DA INDÚSTRIA AGROALIMENTAR COM A RASTREABILIDADE DIGITAL DA OPTEL PARA OS PRÓXIMOS ANOS

De acordo com a projeção das Nações Unidas, a população mundial passará de 7,2 bilhões a 9,6 bilhões até 2050. Com todas essas bocas para alimentar em pouco mais de três décadas, a pressão realmente recai sobre o setor de alimentos e bebidas para que implemente soluções sustentáveis, a fim de lidar com o impacto da mudança climática, poluição, desmatamento, consumo de água e energia, degradação e esgotamento de recursos, e desperdício de comida no abastecimento global de alimentos.

Além disso, consumidores cada vez mais conscientizados estão demandando mais transparência no sistema de alimentação mundial, exigindo que as marcas de alimentos sejam mais transparentes no que diz respeito à origem, produção e métodos de transporte, além do teor de nutrientes. Agora, mais do que nunca, as marcas precisam proporcionar rastreabilidade total para tranquilizar as preocupações dos consumidores em relação à saúde, ao meio ambiente e ao bem-estar dos trabalhadores e dos animais. Sem informações comprovadas para embasar suas reivindicações de marketing, as marcas correm o risco de perder a confiança e a fidelidade do cliente, enfrentando pesadelos de relações públicas e conformidade normativa e, em última análise, sofrendo quedas importantes na receita.

Embora as empresas de alimentos procurem tornar-se mais socialmente responsáveis, há desafios consideráveis a serem superados. Práticas mais sustentáveis e mais transparência significam mais investimentos em aprimorar o desempenho da cadeia de suprimentos, modificar fornecedores e processos, treinar funcionários, instilar mecanismos de monitoramento e geração de relatórios, etc. Com baixas margens no setor de alimentos e bebidas, as empresas devem encontrar o equilíbrio perfeito entre o que é factível na prática e o que garantirá um resultado positivo.

Um exemplo convincente da importância da transparência no que diz respeito à sustentabilidade é o mercado do óleo de palma. Como a palma proporciona uma produção consideravelmente maior a um custo mais baixo de produção do que outros óleos vegetais, o óleo de palma é usado em uma ampla variedade de produtos alimentícios, detergentes, cosméticos e até mesmo em biocombustíveis. Infelizmente, devido à sua inabalável popularidade com as marcas de alimentos, a exploração do óleo de palma causou um amplo desmatamento de florestas tropicais e uma devastação sem precedentes de ecossistemas vulneráveis. Chocados com o impacto sobre o meio ambiente, organizações não governamentais e consumidores estão participando de boicotes às grandes marcas de óleo de palma para forçá-las a procurar soluções sustentáveis para seus produtos.

Como parte de suas iniciativas gerais de sustentabilidade, várias marcas renomadas já definiram metas de sustentabilidade muito ambiciosas e, de acordo com o Relatório de tendências de negócios responsáveis de empresas éticas 2018, empresas de todo o mundo estão reconhecendo a sustentabilidade como um gerador de receitas e um meio eficaz para reduzir custos operacionais.

A RESPOSTA

O segredo da sustentabilidade e do sucesso nos negócios? Tecnologia e dados. E um exemplo característico? Soluções de rastreabilidade de ponta a ponta baseadas no item.

Cada vez mais marcas de alimentos estão integrando sistemas de rastreabilidade digital em suas cadeias de suprimentos para demonstrar claramente que suas ações para a sustentabilidade falam mais alto que as palavras. A Allied Market Research destaca que o mercado global de rastreabilidade de alimentos deve chegar a 14,1 bilhões de dólares em receitas até 2020, uma prova do aumento do compromisso das empresas de demonstrar a responsabilidade e aumentar a segurança do consumidor.

As soluções avançadas de rastreabilidade de ponta a ponta, especificamente as desenvolvidas pela OPTEL, são impulsadas por blockchain, inteligência artificial e a Internet das Coisas, possibilitando que os fabricantes serializem cada produto, seja alimento ou bebida, usando uma marca ou número de identificação único. Um item alimentício pode, portanto, ser rastreado em tempo real desde o momento em que a matéria-prima é obtida até a produção, armazenamento e entrega, chegando finalmente ao prato do consumidor.

Diferentemente da rastreabilidade baseada no lote, a rastreabilidade digital baseada no item concentra o foco em um único item produzido (conjunto ou subconjunto). Isto significa que as marcas de alimentos podem literalmente provar que um item alimentício específico e único foi feito, armazenado, embalado e transportado de modo sustentável. Esse nível de rastreabilidade confere às marcas de alimentos maior visibilidade e melhor controle da cadeia de suprimentos, assim como informações muito precisas, de modo que, com base em suas estratégias gerais de sustentabilidade, elas podem:

  • Definir metas de sustentabilidade realistas
  • Otimizar recursos
  • Selecionar fornecedores mais sustentáveis
  • Minimizar o desperdício e o impacto ambiental
  • Confiar nas declarações que fazem no mercado
  • Proporcionar aos clientes acesso a informações precisas sobre a origem e a autenticidade de um produto alimentício
  • Monitorar o progresso da sustentabilidade
  • Aumentar a confiança do consumidor e a fidelidade à marca

CONCLUSÃO

Quando se trata do setor de alimentos e bebidas, a sustentabilidade deixa de ser um desejo e passa a ser uma necessidade. Nos mercados altamente competitivos de hoje, as práticas sustentáveis e a transparência total com os consumidores são as únicas formas de continuar no jogo. Os sistemas de rastreabilidade de ponta a ponta podem, portanto, ser a solução número um de uma marca de alimentos para lidar com as necessidades culturais e econômicas da sustentabilidade.

A OPTEL, líder global em sustentabilidade, é o único desenvolvedor do mercado a oferecer soluções da verdadeira rastreabilidade de ponta a ponta que estão prontamente disponíveis hoje e podem ser integradas sem interrupções nas cadeias de suprimentos existentes. Ao contrário de outros fornecedores que somente oferecem rastreabilidade baseada no lote, as soluções da OPTEL garantem a rastreabilidade no nível do item, o que abre mais oportunidades do que nunca para fornecer as valiosas informações que os parceiros de distribuição e varejo – assim como os clientes – necessitam para escolher marcas de alimentos socialmente responsáveis.

TÓPICOS RELACIONADOS