AUMENTO ALARMANTE DE CERVEJA, VINHO E DESTILADOS FALSIFICADOS

Sejam vinhos falsificados na Toscana, vodca abaixo do padrão na Rússia ou uísque adulterado em Ruanda, a falsificação de bebidas alcoólicas está sofrendo um aumento alarmante. De acordo com o Relatório Global de Estado do Álcool e da Saúde, da Organização Mundial da Saúde, as bebidas alcoólicas não registradas chegam a totalizar 25% de todo o álcool consumido em todo o mundo.

 

A Agência de Propriedade Intelectual da União Europeia (UE) relata que, na UE, são perdidos 2,8 bilhões de euros por ano devido a vinhos e bebidas destiladas fraudulentos. Em apenas um ano, a Interpol e a Europol confiscaram 26,4 milhões de litros de bebidas alcoólicas e alimentos falsificados, no valor de cerca de 230 milhões de euros. Em fevereiro de 2018, a polícia mexicana confiscou aproximadamente 91.000 litros de tequila no mercado negro, sendo que mais de 900 litros continham níveis perigosos de metanol, e essa bebida destinava-se a resorts.

Para as marcas de vinho, cerveja e destilados, assim como para seus parceiros de distribuição e varejo, esse coquetel Molotov tem um potencial péssimo para os negócios: o impacto negativo sobre o capital da marca e a perda na confiança de  clientes podem causar danos de longo prazo.

É compreensível que as marcas de bebidas alcoólicas não queiram promover o fato de estarem sujeitas à falsificação de seus produtos. Reduzir a possibilidade de contrafação pode ser extremamente complexo devido à cadeia de suprimentos, especialmente quando os produtos são vendidos em escala global.

Qual a solução para que os fabricantes de bebidas alcoólicas possam proteger a sua imagem? Rastreabilidade digital de ponta a ponta.

Soluções de rastreabilidade permitem que estas empresas controlem e rastreiem seus produtos desde a matéria-prima, passando pela produção e chegando ao consumidor, graças à serialização sofisticada feita em cada unidade individual, e não apenas por lote. A serialização passa a ser, portanto, um dos meios mais econômicos e eficazes de combater a falsificação de bebidas alcoólicas.

Impulsionadas pelas tecnologias de blockchain, inteligência artificial e Internet das Coisas, as soluções de rastreabilidade proporcionam uma visão global de toda a cadeia de suprimentos. À medida que a cerveja, o vinho ou os destilados se movimentam pela cadeia, fabricantes podem monitorar onde seus produtos estão a qualquer momento, garantindo que passem por canais legítimos de distribuição e varejo. As marcas podem até mesmo promover o uso de soluções de rastreabilidade digital para demonstrar seu compromisso com a qualidade do produto e a saúde do consumidor, o que, por sua vez, pode aumentar a fidelidade do cliente.

Graças ao acesso a dados em tempo real, fabricantes também podem identificar rapidamente possíveis atividades ilícitas, assim como lotes falsificados. Além disso, uma solução de rastreabilidade digital permite que uma marca de bebida alcoólica rapidamente implemente imediatamente medidas corretivas em casos extraordinários.

As soluções de rastreabilidade digital podem ter um impacto significativo na luta contra a fraude no setor de bebidas alcoólicas. A OPTEL fornece os meios para garantir a autenticidade de seus produtos; proteger sua marca; promover a confiança do consumidor; e garantir o crescimento sustentável dos negócios em mercados internacionais.

Entenda mais sobre as soluções:

Clique aqui